Organize-se: revisão anual

Continuando a série de posts para te ajudar a se organizar para o próximo ano, hoje falaremos sobre a revisão anual.

Fazer revisões é um hábito super importante, que a maioria das pessoas infelizmente não possui. No dia-a-dia a vida vai levando a gente, às vezes até atropelando, e a gente se preocupa apenas em lidar com isso. Não paramos pra pensar no que aconteceu e avaliar. Sem avaliar a gente fica sem base pra planejar o que quer fazer em seguida.

Aprendi com o GTD (Getting Things Done) a importância das revisões. De acordo com esse método, elas devem ser feitas periodicamente. Nas revisões em intervalos curtos (semanal ou mensal), a gente foca no dia-a-dia. Na revisão anual, a ideia é focar no horizonte mais amplo da vida e assim parar de simplesmente se deixar levar.

Quando fazer?

Não deixe para a última hora quando o ano terminar. Em novembro, verifique na sua agenda um dia em que não terá compromissos. Pode ser um feriado, como dia 15 de novembro, um sábado ou domingo. Escolhido o dia, marque uma reunião com você mesma e anote na agenda. Reserve ao menos umas 4 horas.

O que fazer?

No dia marcado, para evitar distrações, desligue o celular e desabilite as notificações das redes sociais. Se na sua casa você não consegue passar 4 horas sem ser interrompida, vá para uma cafeteria, parque ou biblioteca. Sair de casa também pode ser uma boa para evitar que caia na tentação de fazer outras coisas durante a revisão, como assistir TV ou colocar roupa na máquina pra lavar. Antes de começar, reúna as ferramentas necessárias: papel e caneta ou seu tablet e um app de notas, sua agenda ou outra fonte de informações que te ajude a lembrar o que aconteceu durante o ano, suas notas sobre metas e objetivos (se você anota essas coisas). Se o local escolhido for um parque ou biblioteca, levar água e petiscos é aconselhável.

Como fazer?

Comece escrevendo as áreas da sua vida, como profissional, familiar, pessoal, religiosa, ou outras. Escreva cada uma em uma página e anote também os meses do ano.

Com auxílio da sua agenda ou de outras fontes de informações, escreva o que aconteceu de relevante em cada área e em cada mês do ano. Se estiver fazendo a revisão em novembro, escreva em dezembro o que já sabe que irá acontecer. Escreva o que foi bom e o que não foi. Coisas ruins também são relevantes. Anote o que você fez ou deixou de fazer, o que outras pessoas fizeram que teve repercussão pra você, o que simplesmente aconteceu na sua vida, da sua família, do país. Escreva também o que você planejou fazer e cumpriu, ou o que não cumpriu. Tudo no melhor estilo retrospectiva do ano da Rede Globo rsrs

Depois de colocar tudo na sua frente, é hora de pensar a respeito. Leia o que escreveu em cada área da vida, uma de cada vez, e avalie o que poderia ter feito melhor ou de modo diferente. De preferência faça essa avaliação por escrito, pra deixar registrado. Pense no que quer em cada uma das áreas da vida e avalie se caminhou nessa direção.

Agora você já tem os recursos necessários para planejar o horizonte da sua vida no próximo ano. Anote metas e objetivos. Que passos pode dar para alcançá-los? Que prazos estabelece pra você mesma? Que hábitos precisa adquirir ou abandonar? Como pode se tornar uma pessoa melhor em 2017?

Guarde essas notas e utilize-as na revisão do próximo ano.

Depois volta aqui e me conta nos comentários como se sentiu ao final da reunião com você mesma 🙂 Bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *