Faça o que ama

Quando somos crianças, nossos pais nos ensinam que ter um trabalho é importante. Infelizmente, também nos ensinam, de modo contraditório, que o trabalho é um estorvo na vida. Não dizem isso com palavras, mas com seus exemplos. Nas sextas-feiras vemos nossos pais felizes e celebrando a chegada do final de semana. Nos domingos os vemos tristes e desanimados porque o dia seguinte será segunda-feira.

Vou te contar uma coisa: NÃO PRECISA SER ASSIM. Ainda que tenhamos visto esse comportamento inúmeras vezes, em diferentes pessoas, o trabalho não tem que ser um estorvo.

Ser útil é uma necessidade inerente aos seres vivos. Na natureza, cada planta, mamífero ou inseto tem uma utilidade. Uns polinizam sementes, garantindo que as plantas continuem se reproduzindo. Outros caçam e assim garantem que não haverá superpopulações de determinados animais. Até os cães foram criados pelos seres humanos para trabalhar. Nós, pessoas, também precisamos do trabalho. É ele que faz com que a gente se sinta útil e produtivo.

Mas então por que tanta gente acha que trabalhar é um saco? Porque não fazem o que amam.

Você já deve ter ouvido o ditado: faça o que ama e não precisará trabalhar um dia sequer (ou algo parecido). Embora eu não goste muito dessa frase porque dá a entender que trabalho é chato, a ideia que ela transmite é muito verdadeira. Se eu pudesse reescrever esse ditado, diria: faça o que ama e se divirta todos os dias.

Demorei um pouco, mas descobri o que amo fazer. Amo ser advogada e amo dar aulas. Descansar nos finais de semana é bom e necessário, mas voltar ao trabalho na segunda-feira é ótimo! Claro que minha vida profissional não é um conto de fadas, só com momentos gloriosos. Já passei por épocas bem ruins e no dia-a-dia sou obrigada a fazer coisas que não gosto, mas nada disso é suficiente para me fazer desgostar do meu trabalho.

Se para você domingo é o dia mais triste da semana, está na hora de descobrir o que ama fazer. De verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *